Bordado de Pedro João Cury

Lições de um realismo engajado para a análise da política

Camila Góes Contestando a ideia de que para realizar uma análise realista da política seria necessário buscar a imparcialidade, a trajetória de dois pensadores engajados, localizados em tradições intelectuais e políticas diversas, nos permite retirar preciosas lições do que denominamos “realismo político engajado”. Este ponto de vista parte do pressuposto de que a política é a linguagem universal do conflito e que para apreendê-la tal qual se apresenta na realidade não se...

Ilustração de Amalyn Malix

Impasses do capitalismo na periferia: voltando ao debate com os Subaltern Studies

Camila Góes Assim como encontramos diversas interpretações que buscam dar conta do advento do capitalismo no Brasil, enquanto nação periférica e de passado colonial, na Índia há também um vivo debate que, além de incidir nas questões centro/periferia e colônia/metrópole, fomenta de forma incisiva a divergência Oriente/Ocidente. A questão central é a das especificidades do contexto nacional periférico tendo como modelo o centro, para pensar tanto a história quanto a política...

Escultura de Maria Inés Di Bella

A opressão de gênero e a imprescindível renovação do marxismo

Camila Góes Daniela Mussi Em junho deste ano, a revista Outubro publicou a tradução em português de um artigo da ativista feminista e professora de filosofia da New School for Social Research, Cinzia Arruzza. O artigo, publicado originalmente em inglês pela revista norte-americana Viewpoint, propunha algumas “considerações sobre gênero”,[1] opinando a respeito da relação entre marxismo e feminismo. Seu objetivo era polêmico e também didático – aproximar um público mais amplo...