Fotografia de Adria Meira

Mais do que “derrubar/destruir” o Estado burguês, superar o Estado do capital

Mauricio Gonçalves I A relação do Estado moderno do capital (o seu lugar e importância) na teoria social marxista foi entendida na maior parte do século 20, mas com repercussões ainda nos dias de hoje, fundamentalmente através de duas grandes linhas interpretativas: ora como um órgão de classe burguês essencialmente iníquo e funcional à manutenção da ordem social, ora como uma estrutura política tendo sua natureza definida pela correlação de forças entre as diferentes classes...