Ilustração de Antônio Máximo

Mariátegui e a Revolução Russa

Sydnei Melo José Carlos Mariátegui (1894-1930) é certamente um dos intelectuais marxistas mais importantes que viveram na América Latina. Militante dedicado, e com uma espantosa produção periodística, o autor dos 7 ensayos de interpretación de la realidad peruana foi o principal responsável pela organização do movimento socialista no Peru: Mariátegui dedicou-se à criação de um projeto editorial voltado à formação política e cultural da classe trabalhadora local, materializada...

Ilustração de Celly Inatomi

As mulheres de 1917

Megan Trudell (Tradução de Stella Paterniani e Fernanda Moura.) No Dia Internacional das Mulheres em 1917, mulheres tecelãs no distrito de Vyborg, em Petrogrado, entraram em greve, saíram das fábricas e se dirigiram às centenas, de fábrica em fábrica, chamando operárias e operários para a greve e se envolvendo em violentos confrontos com a polícia e com os soldados. Sem qualificação, com baixa remuneração, trabalhando de doze a treze horas por dias em condições de higiene...

Ilustração Antônio Máximo

A Revolução na Finlândia

Eric Blanc (Tradução de Ivony Lessa e Lígia Marinho) No último século, histórias sobre a revolução de 1917 geralmente focaram em Petrogrado e nos socialistas russos. Mas o Império Russo era predominantemente composto por não-russos – e os levantes na periferia imperial frequentemente eram tão explosivos quanto aqueles do centro. A queda do czarismo em fevereiro de 1917 desencadeou uma onda revolucionária que imediatamente engoliu toda a Rússia. E talvez a mais excepcional dessas...

Ilustração de Mácia Teixeira

De fevereiro a outubro

Lars T. Lih  (Tradução: Daniela Mussi) Eu seu livro Inside the Russian Revolution [Por dentro da Revolução Russa], Rheta Childe Dorr descreveu sua primeira impressão na Rússia: “A primeira coisa que eu vi na manhã em que cheguei em Petrogrado (…) foi um grupo de jovens rapazes, mais ou menos uns vinte, marchando pela rua em frente ao meu hotel, carregando uma bandeira escarlate com uma inscrição em grandes letras brancas. ‘O que quer dizer’, perguntei ao comissário do...

Ilustração de Adria Meira

Partindo da Estação Finlândia

Yurii Colombo Tradução de Ângelo Régis e Raphael Boccardo Quando Vladmir Lenin chegou em Petrogrado, há cem anos atrás, saindo do famoso “trem blindado” que viajou da Suíça e cruzou a Alemanha, a situação russa, tanto internamente quanto nas frentes de batalha, parecia ter estabilizado. A trégua temporária entre o novo Governo Provisório e as massas rebeldes, contudo, deixou de lado o maior problema que havia dado início à Revolução de Fevereiro: a guerra. Quando as...

Colagem de D. Muste

Gramsci e a Revolução Russa

Alvaro Bianchi e Daniela Mussi (Tradução: Fernando Pureza) Oitenta anos atrás, em 27 de abril de 1937, Antonio Gramsci morreu depois de passar sua última década numa prisão fascista. Reconhecido postumamente por seu trabalho teórico em seus cadernos do cárcere, as contribuições políticas de Gramsci começaram durante a Guerra Mundial, quando ele era um jovem estudante de linguística na Universidade de Turim. Mas mesmo naquela época, seus artigos na imprensa socialista desafiavam...