Ilustração de D. Muste

Entrevista com Silvio Tendler: política e cultura de esquerda na obra de um cineasta engajado

Romulo Mattos Certo dia, estava na sala dos professores do curso de Comunicação Social da PUC-Rio, papeando com colegas de trabalho, quando entrou Silvio Tendler. A sua chegada fez com que todos ali interrompessem suas conversas, para saudá-lo. Notei um respeito e um carinho generalizados, o que é ainda mais significativo diante do fato de que nem todos ali compartilham de seus ideais políticos. Com o tempo, vi que a sua entrada naquele recinto é sempre um evento que suspende a rotina...