Fotografia de Adria Meira

Aquarius e o “Fora Temer”

Paulo Gajanigo Antes de Aquarius chegar aos cinemas brasileiros, o debate sobre seu caráter político se adiantou com a manifestação do elenco do filme no Festival de Cannes. Sua estreia no Brasil em primeiro de setembro, um dia depois da aprovação do impeachment de Dilma no Senado, aumentou o sentimento de que a obra significava um martelo contra o golpe e pela democracia. Há inúmeros relatos de gritos em coro de “Fora Temer” ao final das exibições. Se muitos vão ver o filme como...