Rosa_nova2

Mad Max: a fúria das mulheres contra o machismo

Rosi Morokawa Trinta anos após Mad Max: Além da Cúpula do Trovão, o diretor George Miller surpreende com Mad Max: Estrada da Fúria. Despertando a ira de alguns fãs da trilogia original, por trazer uma temática feminista, o novo filme da franquia parece desagradar aqueles que pararam no tempo. A história do longa-metragem foi elaborada com o apoio da ativista Eve Ensler, autora da conhecida peça “Monólogos da vagina”, e traz a questão atual da violência contra as mulheres...

Ilustração de D. Muste

Entrevista com Silvio Tendler: política e cultura de esquerda na obra de um cineasta engajado

Romulo Mattos Certo dia, estava na sala dos professores do curso de Comunicação Social da PUC-Rio, papeando com colegas de trabalho, quando entrou Silvio Tendler. A sua chegada fez com que todos ali interrompessem suas conversas, para saudá-lo. Notei um respeito e um carinho generalizados, o que é ainda mais significativo diante do fato de que nem todos ali compartilham de seus ideais políticos. Com o tempo, vi que a sua entrada naquele recinto é sempre um evento que suspende a rotina...

Imagem por Marlon Anjos

“O dia que durou 21 anos” e o caráter anti-nacional do golpe de 1964

Demian Melo e Rejane Hoeveler Após 49 anos do golpe que depôs o governo João Goulart em 1964, surge mais uma contribuição cinematográfica ao quente debate sobre a ditadura militar brasileira. O dia que durou 21 anos foi dirigido por Camilo Tavares, filho do jornalista Flávio Tavares. Também co-roteirista, Flávio é um dos 15 presos políticos que foram trocados pelo embaixador americano Charles Elbrick, no sequestro organizado pela ALN e pelo MR-8 em 1969.[1] Trata-se de uma versão...