Fotografia de André Rodrigues

O ciclo econômico, o aniversário do golpe e o futuro da esquerda

Eric Gil Há um ano Michel Temer assumia a Presidência, concretizando o golpe dado no governo de Dilma Rousseff. Um dos discursos que Temer e sua trupe sustentavam para justificar a retirada de Dilma era que a economia só voltaria a crescer se este governo fosse derrubado. Mas todos nós sabemos o final desta história. Como os economistas marxistas sempre gostam de lembrar, a economia capitalista se movimenta através de ciclos econômicos, ora em baixa, ora em alta. Este ciclo econômico...

Fotografia de André Rodrigues

A tese do “apagão de mão de obra” no Brasil e o Exército Industrial de Reserva

Bruno Gawryszewski O padrão de acumulação do capital no Brasil, tal como seus ciclos de expansão e retração, oferecem-nos uma repetição de discursos que, fugazmente, vem e vão de acordo com o interesse dos capitalistas. Entre os anos de 2004 e 2010, a taxa média de expansão do Produto Interno Bruto foi de 4,5% ao ano e atingiu seu pico em 2010, com crescimento de 7,5% (BNDES, 2011). Em outra medida, as pesquisas mensais do IBGE atestavam que o percentual de desempregados no primeiro...

Ilustração de Marlon Anjos

Crise econômica, quem paga a conta?

Eric Gil Com a instabilidade política do governo Dilma, crise econômica e avanço das políticas conservadoras e econômico-liberais no Congresso e no Governo Federal, muitas questões são postas à esquerda brasileira. Tentaremos responder, neste artigo, às questões que circundam a atual política econômica de Dilma diante da crise econômica. Mas antes disto vamos adiantar algumas considerações: (i) sim, vivemos em meio a uma crise econômica, no Brasil e no mundo; e (ii) não, não...