Fotografia de André Rodrigues

O ciclo econômico, o aniversário do golpe e o futuro da esquerda

Eric Gil Há um ano Michel Temer assumia a Presidência, concretizando o golpe dado no governo de Dilma Rousseff. Um dos discursos que Temer e sua trupe sustentavam para justificar a retirada de Dilma era que a economia só voltaria a crescer se este governo fosse derrubado. Mas todos nós sabemos o final desta história. Como os economistas marxistas sempre gostam de lembrar, a economia capitalista se movimenta através de ciclos econômicos, ora em baixa, ora em alta. Este ciclo econômico...

Bordado de Pedro João Cury

“Os dias eram assim” e o golpe do tempo presente

Amanda Moreira da Silva A nova aposta da Rede Globo para o horário das 23h é a série “Os dias eram assim” de Angela Chaves e Alessandra Poggi, que retrata o período vivido sob o golpe militar de 1964. Apesar de o horário permitir certa ousadia, a trama mantém narrativa de novela que tenta se diferenciar como “super série” visando o mercado internacional, onde as séries são mais costumeiras. O enredo é perfeito para tal propósito, pois tentam exibir uma versão da ditadura...

Ilustração de Amalyn Malix

Depois do golpe: a força e a fraqueza da democracia blindada brasileira

Felipe Demier Em um primeiro momento de análise, o fato de que a deposição do governo Dilma tenha sido efetivada sem uma correlata deposição do regime democrático liberal expressou a força desse próprio regime, ou mais precisamente, a força de sua atual configuração contemporânea. Como se sabe, o golpe no governo não foi um golpe no regime então vigente, na medida em que a eliminação do primeiro não levou – ou não se deu por meio da – eliminação do segundo. A democracia...

Ilustração de Antonio Máximo

A esquerda e a governabilidade: reflexões sobre a armadilha pemedebista

Joana Salém Vasconcelos “Isso não é democracia. É pacificação permanente.” (Paulo Arantes) Com este ensaio pretendemos discutir algumas implicações do golpe de 2016 para a esquerda brasileira, sobretudo no que diz respeito ao sistema partidário e aos limites da governabilidade no atual regime político. Vivemos um momento de ruptura autoritária. A bandeira da “legalidade democrática” foi erguida pelas esquerdas em defesa de parâmetros mínimos de democracia, como o respeito...

Ilustração de Marlon Anjos

É preciso defender a democracia? Que democracia?

Jorge Luiz Souto Maior Nas últimas semanas foram realizados vários atos e organizados muitos manifestos em defesa da democracia. Mas em um país no qual as instituições costumam não garantir o exercício dos direitos de greve e de mobilização de movimentos sociais surge o inevitável questionamento sobre a pertinência de se defender a democracia, ainda mais se lembrarmos das violências antidemocráticas patrocinadas pelo atual governo nas recentes greves de servidores federais de...

Ilustração de Humberto Tutti

Com ou sem golpe: medo e esperança no futuro próximo brasileiro

Felipe Demier “Estamos bem na linha do desenvolvimento histórico, agora se vê que, por toda uma época, milhões de destinos vão seguir os caminhos que fomos os primeiros a trilhar. Na Europa, na Ásia, na América, gerações inteiras se desenraizam, engajam-se profundamente nas lutas coletivas, aprendem a violência e o grande risco, experimentam cativeiros, constatam que o egoísmo do “cada um por si” está caduco, que o enriquecimento pessoal não é a finalidade da vida, que os...