Ilustração de Antônio Máximo

A contribuição de Losurdo à crítica da historiografia revisionista

Demian Melo Nesse ano do centenário da Revolução Russa, a editora Boitempo disponibilizou ao público brasileiro uma das mais importantes contribuições à crítica da historiografia revisionista das revoluções, Guerra e Revolução (LOSURDO, 2017), do filósofo italiano Domenico Losurdo. O livro em tela foi originalmente publicado em 1996 com o título de Il revisionismo storico: problemi e miti (LOSURDO, 1996), mas recebeu em inglês uma nova edição ampliada em 2015 (LOSURDO, 2015)...

Ilustração de Marlon Anjos

1964, revisionismo e o golpe antidemocrático

Diego Paulo Tão logo surgiram as primeiras elaborações sobre o golpe de 1964 e a ditadura que o seguiu, em que pese a diversidade de abordagens, algumas características foram ressaltadas como tópicos discursivos necessários às várias interpretações. Dentre elas, consta o ataque à democracia e as reformas pretendidas pelos setores mais à esquerda no espectro político dos anos 60. Essa visão, reinante nas duas décadas posteriores ao primeiro de abril, começou a ser relativizada...