Ilustração Lyn Nascimento

A Garantia da Lei e da Ordem e a criminalização das lutas contra as reformas

Rafael Barros Vieira 1- Michel Temer decretou na última quarta-feira (24/05), ao lado do Ministro da Defesa e do Ministro do Gabinete de Segurança Institucional, o emprego das Forças Armadas com o objetivo de criminalizar os movimentos sociais, sindicatos e ativistas independentes que ocupam Brasília essa semana exigindo a saída de Temer e o fim das propostas de Reforma da Previdência e Trabalhista. Esse recurso é parte específica das tentativas de dar roupagem jurídica aos diversos...