Ilustração Marlon Anjos

O rock errou: Lobão, o pensador social da nova direita brasileira

Romulo Mattos Após décadas militando em prol de causas progressistas, Lobão iniciou seu giro à direita no ano de 2007, quando lançou o Acústico MTV, pela Sony & BMG. Além de abandonar a sua luta contra as gravadoras multinacionais,[1] foi trabalhar como apresentador de tal emissora, que influenciava fortemente a indústria fonográfica brasileira. No comando do Debate MTV, já era possível vê-lo interceder a favor de representantes do pensamento conservador. Atuou ainda como...

Ilustração Humberto Tutti

Blá, blá, blá… eu te amo: o namoro de Lobão com a esquerda brasileira

Romulo Mattos Lobão é um roqueiro tupiniquim consagrado nos anos 1980, que atualmente tem chamado muito mais atenção pelo conservadorismo de suas ideias do que pelas suas músicas. Este ensaio refletirá sobre o seu passado não tão distante assim, caracterizado por um intenso e fértil diálogo com a esquerda brasileira, quando o próprio se comportava como um militante do partidos e movimentos sociais de tal orientação política. Esse período sistematicamente ignorado pelo cantor e os...

Ilustração de Marlon Anjos

Junho e nós: das jornadas de 2013 ao quadro atual

Marcelo Badaró Mattos Três questões para introduzir a discussão: 1) Há alguma relação entre as manifestações de direita deste ano de 2015 e as “jornadas de junho”? 2) Junho de 2013 teve repercussões nos movimentos da classe trabalhadora? 3) Quais os impactos das jornadas sobre o quadro político brasileiro desde então? Não apresento respostas prontas, mas pistas para reflexão. Comparando o número de manifestantes nas ruas, especialmente no caso paulistano, ou...

Imagem por Marlon Anjos

Brazil: for an interpretation worthy of June

(Leia em português.) Ruy Braga In mid-June 2013, a survey conducted by the Ibope Institute revealed that the popularity of Brazilian president Dilma Rousseff had reached a historic level of approval: 63% of respondents considered her administration excellent or good, and 79% approved her personal performance.[1] Even in comparison with the popular approval of 59% achieved by former President Lula da Silva at the end of his second term, Dilma Rousseff’s figures were really...

Imagem por Marlon Anjos

Nas ruas por direitos: uma análise das jornadas de junho de 2013

Felipe Demier Sem muitos riscos, pode-se dizer que as ingentes massas que se levantaram em junho de 2013 o fizeram contra os efeitos sociais deletérios de um regime democrático-blindado, o qual começou a ser engendrado ainda sob a (e pela) ditadura bonapartista, medrou e institucionalizou-se nos governos tucanos de Fernando Henrique Cardoso, e foi lapidado pelotransformismo petista no poder. [1] Ainda que difusas ideologicamente e extremamente débeis em seus âmbitos organizativo e...